• Home
  • >
  • Blog
  • >
  • Coronavírus: Brasil tem primeiro caso confirmado e investiga 20 casos suspeitos

Coronavírus: Brasil tem primeiro caso confirmado e investiga 20 casos suspeitos

1
27 de fevereiro de 2020

Na última quarta-feira, 26 de fevereiro, foi confirmado pelo Ministério da Saúde o primeiro caso de coronavírus no Brasil. O infectado, um homem de 61 anos, viajou para Itália entre os dias 09 e 21 de fevereiro. Além do caso confirmado, mais 20 pessoas estão sob suspeita. 

Coronavírus é um novo vírus da família corona que surgiu na China no final de 2019, denominado Covid-19. O primeiro caso foi confirmado na cidade de Wuhan, no dia 31 de dezembro. Até o momento o vírus se espalhou por cerca de 40 países, incluindo o Brasil, e já matou mais de 2.700 pessoas, só na China. Segundo informações o país possui cerca de 78.000 infectados até o momento.

O primeiro infectado do Brasil, viajou a trabalho para Itália. Ao retornar para o Brasil ele estava assintomático e fez até uma reunião familiar, com cerca de 30 convidados. Ao se sentir mal procurou de imediato o hospital e entrou em suspeito do Covid-19, na noite da última segunda-feira, 24 de fevereiro. Na terça, 25, ele realizou o primeiro teste que deu positivo, no Hospital Israelita Albert Einstein. Ao ter o resultado foi realizado um exame de contraprova, no Instituto Adolfo Luiz, e na manhã de quarta o caso foi confirmado.

O homem é morador de São Paulo, e ao ser examinado e ter ficado sob observação foi liberado para quarentena domiciliar. As pessoas que vieram no mesmo voo que eles estão sendo orientadas a procurem um hospital mais próximo a fim de descartar suspeitas. Os familiares do infectado estão sendo examinados, mas segundo informações não serão deixados em quarentena.

O contágio é feito através do ar, pela tosse e espirro, através do toque, aperto de mão e também com o contato em objetos e superfícies tocadas por alguém infectado. Apesar do fácil contágio algumas medidas podem ser preventivas. Veja algumas medidas que podem ser tomadas para evitar a epidemia:

– Cozinhe bem os alimentos, principalmente carnes;

– Lave as mãos frequentemente e utilize álcool gel;

– Evite o contato com pessoas que vieram recentemente da China;

– Não compartilhe objetos de uso pessoal como talheres, copos e pratos;

– Evite estar em locais públicos muito cheios;

– Em caso de suspeita na sua região utilize máscara em ambientes cheios.

Para dúvidas e mais informações, acesse: http://saude.gov.br/

Compartilhe: